Você tem dificuldade em tomar decisões?

15.7.16

"Confie no Senhor de todo o seu coração e não se apoie em seu próprio entendimento;
reconheça o Senhor em todos os seus caminhos, e ele endireitará as suas veredas." 
(Provérbios 3:5,6)

Quando eu estava namorando com meu - hoje - marido, tive meus momentos de medo. Pois é. Medo e dúvida. Eu o amo desde então, o admiro, tinha certeza de que seria (e sou) muito feliz com ele. Mas existia alguns pontos que me colocavam medo e dúvida. Será que eu to preparada? Será que eu vou suportar determinadas coisas? Será que eu vou dar conta? E mais... será que é certo me casar com ele? Ele já foi casado, o certo não seria que ele recuperasse o casamento? Mas não tinha mais o que ser recuperado. Aquele ciclo na vida dele já havia sido fechado e um ciclo novo já havia começado. Eu fazia parte desse novo ciclo. Nós. 

A gente conversava muito sobre meus receios e ele me deixava muito segura quanto ao futuro. Conversei bastante com pessoas que acompanharam a vida dele de pertinho e todas me incentivavam a seguir com paz no coração porque não havia nada de errado. Nossos pais nos abençoaram, nossos líderes espirituais também... Mas, por que, ainda sentia medinho e dúvidas?

Acho que é normal a gente sentir isso antes de tomar decisões importantes na vida. E às vezes a gente fica esperando uns sinais divinos e sobrenaturais para que possamos dar um passo. A gente espera que Deus se materialize na nossa frente e diga "siga em frente!!!". Mas isso não acontece e não vai acontecer nunca (eu acho. hahah...). Mas a vida nos dá "sinais" de que devemos seguir ou não. A gente precisa estar atento.

Essa mensagem do pastor Ed René Kivitz, de 2014, fala justamente sobre "A arte de tomar decisões". É uma palavra clara e objetiva sobre tomar decisões na vida. Compartilhei no meu facebook na época, por ser uma mensagem bem importante pra mim e acredito que possa ser esclarecedora e ajudar muita gente também!

Destaquei alguns trechos legais.
Segue os trechos e também o vídeo da mensagem. 

A ARTE DE TOMAR DECISÕES - Por Ed René Kivitz

"Enquanto você está orando para saber a vontade de Deus, a vida está acontecendo. Aí quando a vida se configura independentemente da sua decisão, você fala assim 'é que não era da vontade de Deus!'. Esse é um mecanismo que eu não sei como é que a gente consegue viver dentro dele por tanto tempo porque não funciona (...) Eu quero dizer que ficar perguntando qual é a vontade de Deus até a vontade de Deus aparecer pra você tomar a decisão não é o melhor caminho. E quero mostrar na bíblia pra você como é que isso funcionou na vida do apóstolo Paulo (...) como é que ele tomava decisões."

"Não force maçaneta para entrar. Porque quando você quer fazer valer a sua vontade, quer chegar tanto num lugar que você faz besteira pra chegar lá, esse lugar que você chegou é uma bomba de tempo pra você!"

"Se você chegou num lugar e conquistou alguma coisa na base da mentira, essa coisa se sustenta na mentira. E isso cedo ou tarde acaba explodindo na sua cara. Pode ser que não exploda? Pode ser. Mas o risco é grande."

"Então quando você tiver que tomar decisão, não sacrifique a ética, não sacrifique a sua consciência diante de Deus."

"É melhor não ter do que ter do jeito errado. É melhor não conquistar do que conquistar pelo caminho errado."

"Preste atenção no preço que você está pagando para ter isso que você quer ter, pra chegar aonde você quer chegar. Se você quiser transgredir pra 'chegar lá', assuma! Há momentos em nossas vidas que nós não temos força espiritual suficiente para fazer o que a gente sabe que tem que fazer ou pra não fazer o que sabe que não tem que fazer. Mas você sabe que a transgressão ética não é um bom caminho para a tomada de decisões. Se quiser chegar num lugar ou conquistar alguma coisa, e para chegar ou conquistar isso que você quer você precisa transgredir a vontade moral de Deus, opte perder! Escolha não chegar! Escolha não conquistar. Escolha não possuir! Escolha não reter. Opte perder! Porque você vai ganhar muito mais, a palavra de Deus garante isso pra nós."

"A paz de espírito pesa demais! A paz dentro da gente, a paz no coração! Tem um pessoal que fala que está em paz, mas em volta dele está a maior confusão! A palavra de Deus fala que paz é coletiva, comunitária. Fala que a paz é julgada pela palavra de Deus. Fala que paz é consensual na multidão dos conselheiros, das pessoas que são íntimas de você, que te conhecem, que te amam, que repartem a vida com você e especialmente as pessoas que são afetadas pela suas decisões. Fala que a paz acontece no momento da devoção, do louvor, da adoração, e que isso traz pra nós um coração agradecido a Deus. Fala que nós devemos fazer em nome de Jesus. E fala que nós devemos dar graças a Deus, o Pai. (Colossenses 3.15-17)"

"Quando Deus não diz claramente pra você o que você tem que fazer, faça o que você achaque deve fazer. Respeite os princípios morais da palavra de Deus, proteja as suas prioridades, ouça o Espírito de Deus falar ao seu coração. Como? Perceba se há paz em volta de você com a sua decisão. Perceba como as pessoas próximas, os seus intercessores, seus amigos espirituais, seus cônjuges, seus filhos, se eles estão em paz com a sua decisão. Deixe a palavra de Deus julgar a sua paz. Coloque isso diante de Deus na sua experiência de devoção. E questione se você pode realmente fazer isso em nome de Jesus e agradecer a Deus."

"Eu pessoalmente acho que não é difícil tomar decisões. Nosso problema não é tanto chegar a conclusão do que a gente tem que fazer ou deixar de fazer. Geralmente a gente sabe. O difícil é ter coragem de fazer o que a gente sabe que deve fazer."

"Deus não abençoa decisões, Deus abençoa intenções."

"Não ouse tomar uma decisão sem lá no fundo do seu coração dizer a Deus: 'que seja feita a Sua vontade'".

ASSISTA 


A arte de tomar decisões from IBAB on Vimeo.

você também pode gostar:

0 comentários